Desaparecidos

ajude a encontrar estas pessoas

quarta-feira, 22 de janeiro de 2014

Pilõezinhos: Grávida de 5 meses era espancada, violentada e mantida acorrentada pelo companheiro


 bárbaro de violência contra a mulher foi registrado na cidade de Pilõezinhos-PB, na noite desta terça-feira (21). Jaciele da Silva Oliveira, 23 anos, grávida de 5 meses do terceiro filho, era submetida a várias práticas de violência pelo marido, Carlos Alberto Oliveira dos Santos, ou “Beto DJ” como é conhecido.
De acordo com os relatos da vítima, ela era espancada diariamente e mantida acorrentada, além de sofrer torturas psicológicas. O ciúme doentio do marido era o causador das atrocidades cometidas.
O relato chocante de Jaciele comoveu a todos que estavam na delegacia. Lá, aos policiais e a imprensa, ela falou como conseguiu fugir do cárcere privado. “Ele saiu para comprar cigarro e aproveitei e fugi”. disse Jaciele.
Ela foi encontrada num estrada de barro no Sítio Mandaú, zona rural de Pilõezinhos. O casal morava numa humilde residência no Sitio Avenca, também zona rural de Pilõezinhos.
O ciúme de Beto era tão doentio que até os cabelos da esposa ele cortou de faca.
Até o fechamento da matéria Beto ainda não havia sido preso pela polícia, que está em diligências. No vídeo abaixo, ela relata aos prantos, tudo o que vinha sofrendo do marido há vários meses.

0 comentários:

Postar um comentário